Inferno Astral

 

Imagem

Por muito tempo eu achei que quanto mais próximo do aniversário, mais o inferno astral se intensificava.

Ledo engano meu.

Eles não existem. Eles são fabricados por nós para que tenham comiseração da gente, para que a gente ouça aquela frase “A gente não fica velha, ganha experiência.” Será que ganha mesmo? Vejo tantas pessoas com mais idade que eu, que tem atitudes tão imaturas do ponto de vista da própria idade. Não se trata da pessoa ser um robô, um perfeito imbecil repetindo como um papagaio tudo o que os outros fazem. Estou me referindo a responsabilidade de se assumir como adulto, como suas delícias e percalços..

Meu inferno astral se dava pela minha imaturidade, então era algo em que eu poderia colocar a culpa e me eximir da minha. Meu inferno astral era a minha desculpa para ser condescendente com meus erros e ser perdoada por eles. Porque alguém sempre diria, “Ah, ela é muito nova, não entende de nada!” Era tão reconfortante ouvir isso! Era confortável saber que alguém passava a mão nos meus devaneios sem me preocupar com as consequências deles!

Quando me posicionei sobre o que de verdade tinha importância, o inferno astral sumiu, o signo não tinha tanta importância e a Lua em Câncer ficou insignificante. O que importa de verdade, é quando eu chego em casa e as contas estão pagas, quando eu me deito pra dormir e minha consciência está tranquila. Quando posso contar com aquele amigo de sempre e ligar pra conversar coisas frívolas que mesmo assim o papo estará delicioso. 

Não, inferno astral não existe. Ele é apenas uma maneira de fugir de mim  para um outro que eu não conheço.

Aline Lima.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s