Déjá-vu

tumblr_mpy702rayd1s30vsvo1_500

Era um déjà-vu. Já estive ali. Só não sabia como e o porquê.

Eu olhava para você sem entender os motivos, as falas,… Era tudo tudo conotativo, apenas letrável.

Meus sentimentos eram tardígrafos, os seus, vento.

Me joguei num mar de incertezas, me joguei no epicentro das dúvidas.

É assim… Talvez esperamos demais de outrem, esperamos que tenham o mesmo afeto que emitimos. E na maior parte das vezes, são apenas sílabas.

Aline Lima

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s